3 de março de 2009

Terra de partidas

A partida de hoje está a ser particularmente difícil para todos nós. Dois anos depois de terem chegado, a esposa e as duas filhas do Natanael deixaram hoje a ilha, regressando para o seu país de origem e para junto da família. Jamais as esqueceremos, jamais... A dor que viveram aqui é daquelas que eu, sinceramente, não sei se teria forças para suportar. Mas a forma como reagiram, sempre fortalecidas no Senhor, com um sorriso nos lábios, sempre prontas para abençoar os outros, marcou profundamente a igreja e também todas as pessoas da ilha que as conheciam (e não eram poucas). Um testemunho marcante. Partiram hoje, alegres, pois como diz o cântico de que gostavam muito: "Esta paz que sinto em minh'alma, não é porque tudo me vai bem/ Esta paz que sinto em minh'alma, é porque o meu Deus é Fiel."

1 comentário:

Sara disse...

É verdade querida, elas estão em nossos corações como exemplo de como Deus faz A diferença!