9 de abril de 2007

Desabafo

A luta é muito grande. A entrega ao trabalho é absoluta. Os horários de trabalho e de descanso acabam sempre por se misturar. Os fins-de-semana são os dias de trabalho mais intenso. A paciência é a área que mais tem sido trabalhada por Deus nas nossas vidas. O amor pelas pessoas daqui é a âncora que nos prende à terra. Mas, pesadas todas estas coisas, consola-nos constatar que a nossa maior dificuldade é a falta de espaço e que aquilo que mais nos incomodou no domingo passado foi ver três pessoas a assistirem ao culto de pé.

6 comentários:

Daniela Mann disse...

Olha que bom! Quer dizer que a lotação está esgotada?
Tenham calma porque "aquele que leva a preciosa semente chorando, voltará, sem dúvida, com alegria trazendo os seu molhos."
Beijinhos

tania disse...

mt bom sinal....
esse esforco vale a pena

alealb disse...

que maravilhoso incômodo!!!
beijos,
alê

David Cameira disse...

" tudo vale a pena se a alma nãé pequena "

e a entrega ao ministério cristão , a sério , não pode ser protagonizada a não ser por quem tem uma alma grande

Mas ainda bem q tiveram falata de espaço...olha se ate tivessem comprado cadeiras com estofos de cabedal e tal... e continuassem ás moscas..

Graças a DEUS

Adriana disse...

"Estofos de cabedal"? lol
David, até há bem pouco tempo, as crianças assistiam à escola dominical sentadas no chão (em cimento).

ceci disse...

Deus é Pai! É maravilhoso ver como ele tem cuidado de nós!
beijinhos