19 de janeiro de 2007

Já desisti...

... de andar sempre a apanhar e a estender a mesma roupa.
Nos meus primeiros tempos de Faial, passava a vida numa correria a caminho do estendal. Chegava a estender a mesma roupa diversas vezes por dia, tentando (desesperadamente) escapar das chuvadas constantes. E era sempre quando a roupa estava mesmo quase sequinha que caía aquela tromba d'água que me deixava com pele de galinha de tantos nervos que sentia.
Com o tempo percebi que não valia a pena andar naquele stress todo. Não há como fugir do inevitável. Todo o bom açoriano lava a sua roupa quatro e cinco vezes (uma vez pela máquina da roupa e as restantes pela chuva).

1 comentário:

Daniela Mann disse...

Apanha um bocadinho húmida, escusas de usar o vapor do ferro, vinca logo! eh eh eh